Naturologia Aplicada

O profissional graduado em Naturologia Aplicada atua no campo transdisciplinar com  uma abordagem integral da saúde pela relação de interagência do ser humano consigo, com o próximo e com o meio ambiente, sua prática tem o objetivo de prevenção de desequilíbros, promoção, manutenção, recuperação da saúde e da qualidade de vida.
Dentro do processo terapêutico, o naturólogo foca na compreensão da problemática inicial, na causa dos desequilíbrios,  proporcionando o autoconhecimeto e guiando o interagente (cliente) ao encontro de si mesmo e de seu equilíbrio global: emocional, mental, energético e físico.
O atendimento em Naturologia inclui a prática de métodos naturais, tradicionais e modernos denominados:
Práticas Integrativas Complementares (PICs), destacam-se:
·         Massoterapia
·         Reflexoterapia
·         Cristalterapia
·         Cromoterapia
·         Hidroterapia
·         Talassoterapia
·         Geoterapia
·         Terapia Floral
·         Fitoterapia
·         Aromaterapia
·         Trofoterapia
·         Arteterapia
·         Musicoterapia
·         Técnicas corporais
·         Medicina Tradicional Chinesa: Acupuntura, Auriculopuntura, Ventosaterapia, Moxabustão
·         Medicina Ayurvédica

E inclui muitas vezes o emprego de técnicas de avaliação energética, como:
· Pulsologia
· Fisiognomonia
· Avaliação através da língua
· Iridologia e Irisdiagnose
· Radiestesia
· Cinesiologia

O profissional pode atuar em programas de melhoria da qualidade de vida, como combate ao estresse,  depressão,  ansiedade, fobias, insônia, problemas orgânicos, dores em geral, etc; desenvolver atividades educativas, ministrando cursos palestras e demais atividades do gênero; trabalhar em conjunto com outras áreas da saúde, pois tem o papel de realizar um trabalho complementar.


Onde estudar?


Graduação

http://www.unisul.br/
http://www.anhembi.br/

Saiba mais:


Blogs:

http://naturologiaunisul.wordpress.com/
http://www.saladeayurveda.com/

Associações:

http://www.abrana.org.br/
http://www.apanat.org.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário